Experimentos Existencialistas vol. II

by Zona Nobre do Fundo do Poço

/
  • Streaming + Download

    Includes high-quality download in MP3, FLAC and more. Paying supporters also get unlimited streaming via the free Bandcamp app.

      name your price

     

1.
03:37
2.
03:49
3.
4.
02:40

about

Gravado de forma caseira em um sofá no litoral do Ceará entre 10 de junho de 2016 a 15 de junho de 2016, o disco Experimentos Existencialistas é consequência de divagações sobre a liquidez e as mutações do homem pós-moderno e a brevidade dos seus momentos de felicidade. Nesta obra, Zona Nobre do Fundo do Poço mostra como o existencialismo e o niilismo confabulam entre si, formando, no breve e direto EP, ligações entre si em forma de poesia e música. As quatro músicas se dissipam ao fim de pouco mais de onze minutos, dando a quem ouve um silêncio que parte de uma sensação de vazio quase agoniante.

credits

released July 1, 2016

Produzido, gravado, mixado e masterizado por José Ramiro Martinez
As gravações de voz foram feitas com Pablo Mendes, em sua casa.
Lançado e distribuído pelo selo independente Banana Records em 01 de julho de 2016

tags

license

all rights reserved

about

Banana Records Fortaleza, Brazil

A Banana Records é um selo pra concentrar e viabilizar nossas intenções musicais com a cidade, com as pessoas e com a gente mesmo. É o selo que não tá nem vendo.

contact / help

Contact Banana Records

Streaming and
Download help

Shipping and returns

Track Name: Vosmicê
Será? Será
que um dia o mundo vai
pensar melhor
sobre trabalhar?

Ser feliz e coisa e tal
Ter um filho e um quintal
Qualquer emprego clichê
qualquer que vista você

Vai até onde vosmicê quiser
Espero que vá e seja feliz
se caso puder

Fumar, pensar
como o mundo um dia vai
ficar, mudar
e se vai piorar

Estacionar e ver tevê
Mais um filho pra você
Contas que já vão vencer
E quem paga é o emprego clichê

Vai até onde vosmicê quiser
Espero que vá e seja feliz
se caso puder
Vai até onde vosmicê quiser
Espero que vá e seja feliz
se caso puder
Track Name: Meu Recado
Veio e trouxe alguém
- Quem lhe acompanha?
- Quem não tem pudor.

E venho lhe dizer
O que não quer ouvir
E venho lhe dizer
que não vai conseguir
E venho lhe contar
Só pode almejar
Mas venho lhe alertar
que não vai conseguir

Cada fio de cabelo que cair
É só mais um corte no ego do por vir
Track Name: Amor em Tempos de Meme
Amor em tempos de meme
Amor em tempos de meme

E o que será do amor?
E o que será de ti?
E o que será de mim, no fim?
E o que será?

Amor em tempos de meme
Amor em tempos de meme

Seu celular vibrou
alguém compartilhou
Um like ou um retuitou
Ouviu no Spotify
Track Name: Desabafo
Faz um tempo que eu sou infeliz
Acho que tá todo mundo meio assim, né?
Fodido. Todo mundo meio fodido.
Se tu andar pela rua tu vai reparar cada coisa...
É gente fodida pra todo lado.
Gente fodida de gravata.
Gente fodida com filho.
Gente fodida no carro.
Gente fodida na calçada, pedindo esmola.
Tem até o combo, gente fodida na calçada
pedindo esmola, com criança com futuro
fodido no colo
Acho que foram muitos palavrões nesse desabafo
Acho até que não dasabafei porra nenhuma
Mas que porra!
Vou sair de casa sabendo que serei só mais
um fodido no ônibus.

E de gente filho da puta, posso falar?
Tem tanto filho da puta por aí,
que prefiro os fodidos
Tá tudo errado
E só não enxerga quem tá mais fodido que eu.
Os filhos da puta também estão fodidos
Todo mundo vai se foder, invariavelmente
Queria mesmo era ver tudo isso acontecer
Ver tudo isso explodir
Todos os Call Centers do mundo virando cinzas
Todos os super mercados saqueados
Todo mundo rasgando dinheiro
E deixando de ser fodido

O que te faz infeliz?
você já foi feliz?
Quantas vezes seu candidato foi até sua casa, lhe representar?
Alguém nessa merda te representa? O que é isso afinal?
Vivemos sobre a premissa de que um salvador virá e nos livrará da existência
Mas a existência é implacável, e isso não é sobre o conseguir, é sobre fracasso
A única coisa sólida da vida é a morte
O resto era líquido, agora virou gás e não pode nem ser visto
Ao que você se apega? Quais são seus planos? Você tem planos?
O que ainda há pra esperar?
Você vai trabalhar a vida toda e morrer
Ponto final
Sem continuação pra todos nós
E aí, ainda se importa com o mundo lá fora?
Ou vai continuar tirando selfies pra todo mundo ver o que tu come?
Você alguma vez já pensou no sentido de toda essa merda?
Eu já. O sentido é fodido. Por que todos somos, ou, novamente, invariavelmente seremos fodidos
Num mundo onde ninguém ouve ninguém
Num mundo onde você não tem a menor importância, você quer continuar? Ainda que sorrir pra câmera?